"Speak softly and carry a big stick" Theodore Roosevelt

.posts recentes

. Agora é que é a sério

. Local freezing

. Obama e o Nobel

. Vôos rasantes

. O Presidente que fala ame...

. It's change, all right!

. Coisas realmente importan...

. A Bomba do Irão

. De novo os cartoons

. Obama Presidente V

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

Terça-feira, 27 de Janeiro de 2009

De volta

Depois de uma semana de trabalho intenso, estou de volta. E continuo exactamente onde fiquei da última vez: falo de Obama.

 

 

 

Uma notícia de rodapé, sem qualquer importância, levou-me a pensar novamente no assunto. Dizia-se no jornal que, no Japão, a histeria por Obama é tão grande que, nos cursos de Inglês, os alunos estudam os discursos do novo Presidente. Também no Oriente, monges de templos budistas entoam frases de Obama nas suas orações. É claro que os factos são apenas excentricidades e que, na melhor das hipóteses, nos fazem sorrir. No entanto, são uma espécie de hipérbole da realidade. E, como todas as hipérboles, têm um fundo de verdade.

As grandes esperanças em determinadas figuras conduzem, inevitavelmente, a grandes desilusões. Porque somos todos Homens e, consequentemente, possuímos fraquezas e imperfeições inerentes à nossa índole humana. Há alguns homens, no entanto, que nos desiludem menos. São, por norma, os que nos surgem como mais vulgares e comuns e, por isso, nos despertam menos paixões. Os grandes heróis da História nunca cumpriram totalmente as esperanças dos povos. E aqueles que se aproximaram disso ou morreram prematuramente (salvando-se de um juízo menos abonatório) ou tiveram a sorte ou o engenho de encontrar boas desculpas.

publicado por bmptavares às 02:39
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2009

Obama Presidente IV

Depois de ler atentamente o discurso de Obama, tenho alguns comentários:

 

- o grande e natural objectivo de Obama é defender os interesses americanos;

 

- não vai haver concessões a terroristas de diversas extirpes;

 

- não há socialismo na América (a sua própria natureza o impede); o capitalismo é sinónimo de liberdade e essa é a grande base dos EUA;

 

- discurso morno, pouco entusiasmante para os milhões de apoiantes;

 

- daqui a uns meses serão os críticos de Obama a defendê-lo e os seus apoiantes de ocasião a abandoná-lo;

 

- a Europa em breve encontrará novos pretextos para deixar Obama desapoiado.

publicado por bmptavares às 16:40
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 20 de Janeiro de 2009

Obama Presidente III

 

 

 

publicado por bmptavares às 17:37
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
25
26
28
29
30

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds