"Speak softly and carry a big stick" Theodore Roosevelt

.posts recentes

. ...

. Subtilezas

. O Incrível Hulk

. Quando a Arte era Arte 4 ...

. Stars

. Às escuras

. Al Capone

. Anda tudo maluco

. I beg your pardon?

. Não, não é estranho

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

Quarta-feira, 10 de Março de 2010

Mad Men

Don Draper foi considerado pelos leitores do portal askmen.com o homem mais influente do ano, à frente de Barack Obama ou de Usain Bolt. Nem seria de estranhar, sendo que não é difícil suplantar um vazio político e um corredor da Jamaica. Mas a questão é que se trata de uma personagem de ficção. Don Draper é o publicitário de grande sucesso da série norte-americana Mad Men (que já passou na RTP2). Mas a coisa torna-se ainda mais estranha se tivermos em conta que Draper é um homem atraente que, entre golpes de génio, divide o seu tempo entre as numerosas amantes e o copo de bourbon, tudo isto enquanto acende mais um Lucky Strike. Ou seja, Don Draper é tudo aquilo que o "novo homem moderno" não deve ser, num tempo amordaçado pelo politicamente correcto e por um moralismo atroz. Ele é o homem que relembra uma certa virilidade elegante e contida.Talvez seja precisamente isso que fascina: todos queremos ser, de uma forma ou de outra, Don Draper.

publicado por bmptavares às 03:45
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
25
26
28
29
30

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds